TV Poços
   
   
  Última atualização   20 de setembro de 2019 | 12:55:51
Contato

Savanna Campos deixa Poços e vai treinar em Belo Horizonte


Incluída em: 27/12/2011 | 15:48


A judoca poços-caldense Savanna Campos acaba de se transferir para o Minas Tênis Clube na capital mineira. A partir do próximo ano ela vai vestir a tradicional camisa azul e branca do MTC.

Falta de apoio
“Eu gostaria muito de ficar em Poços, tentei buscar patrocínio, mas infelizmente as empresas locais ou o poder público não valorizam o judô como deveriam, estamos próximos de uma Olimpíada no Brasil, eu pratico um dos esportes que mais trazem medalhas para o nosso país, mas sem apoio fica difícil.


Aqui eu não conseguia participar das grandes competições, é tudo muito caro, são passagens, algumas de avião para lugares mais longes, hospedagens, inscrições, alimentação e suplementação adequada. Na Confederação Mineira de Judô eu representava Pouso Alegre, alguns colegas representam cidades do interior paulista.


O apoio da prefeitura se restringe a iniciação esportiva, que é importante, mas quem busca ascensão na carreira, acaba saindo de Poços, como é o caso da Tatiele e do Renatinho Rezende. Temos aqui grandes técnicos de judô, reconhecidos nacionalmente e até fora do país, como é o caso dos Senseis Mitsuhisa Matsuo e Elton Fiebig, temos tudo para ser um celeiro de judocas promissores, e eu espero sinceramente que o quadro atual mude para que, quem sabe, eu possa um dia voltar a treinar na minha terra natal” declarou a jovem atleta.

A carreira
Savanna disputou as Olimpíadas Escolares representando Poços de Caldas e o estado de Minas Gerais por quatro anos consecutivos e conquistou nessa competição uma inédita medalha de bronze para a cidade e um quinto lugar na competição, é bicampeã dos Jogos Escolares de Minas Gerais, tricampeã dos Jogos da Juventude, Vice Campeã Mineira Sub 17 e Sub 23 - ela tem apenas 15 anos -, medalha de bronze na Copa Minas Tênis Clube - competição nacional -, além de já possuir em seu currículo 37 medalhas de ouro, 20 de prata e 04 de bronze nos diversos torneios que participou.


Foi homenageada com o Troféu Tempo de Esporte na categoria “Homenagem Especial – Destaque no Judô” no ano de 2010 e foi eleita por três anos consecutivos como a melhor atleta em sua categoria no sul de Minas.

O novo Clube
O Minas tem 76 anos e é considerado uma das maiores e mais importantes instituições esportivas do país, forma e revela talentos, o que pode ser comprovado pela presença constante de atletas minastenistas nas seleções brasileiras das diversas categorias e modalidades. Conta com cerca de mil atletas federados em equipes competitivas de todas as categorias, em vários esportes olímpicos - Judô, Vôlei Masculino, Vôlei Feminino, Natação, Basquete, Ginásticas Artística e de Trampolim, Tênis, e, ainda, Futsal.


Na equipe de judô destacam-se a medalhista olímpica Ketleyn Quadros e o campeão mundial Luciano Corrêa, além de outros atletas da seleção brasileira de judô, como Érika Miranda, Nacif Elias e Hugo Pessanha, além de Floriano Almeida, técnico vitorioso, que comandou a Seleção Brasileira Feminina de Judô nas Olimpíadas de Atenas.

Competições
Sem tempo para férias, a apresentação está marcada para o dia 09 de janeiro, quando ela já inicia os treinamentos para a seletiva nacional, que será realizada no Maranhão, visando o Panamericano de Judô; outras competições importantes estão prevista no calendário da Confederação Brasileira de Judô para 2012.

A despedida
“Vou sentir muita saudade, dos meus mestres, dos meus colegas de treino e da minha cidade, meu coração vai sempre estar aqui. Sei que não vai ser fácil ficar longe da minha família, minha irmã já chorou um rio de lágrimas..., mas eu amo o judô e dedico minha vida ao esporte que escolhi, que na verdade é mais que isso, é uma filosofia de vida, e esse sacrifício faz parte da trilha que me dispus a percorrer.


Gostaria de agradecer aos que me ajudaram chegar até aqui, ao Sensei Matsuo que me ensinou os primeiros passos no tatame e me fez crescer como judoca, ao Sensei Fiebig que deixou meu judô mais competitivo e me tornou uma atleta, ao Mestre Paulão Rezende, que através do jiu-jítsu fez com que eu pudesse desenvolver o katame-waza (técnicas de solo), ao Rodrigo Jáculo da Academia Soma onde eu pude realizar meus treinos físicos, ao Jornal Mantiqueira nas pessoas do diretor Ruy Alves e do repórter Paulo Vitor que sempre apoiaram o judô e o esporte local e, principalmente a Deus, que me dá forças para lutar e continuar lutando”, finalizou.

2 - Anuncie Aqui PINHAL net 2017 4 Pocos-Net 2017 2



ENQUETE

Sites Poços - Net | Anuncie | Central de Denúncias | Trabalhe na Rede Sulmineira de Provedores Ltda. | Política de Privacidade
© Copyright 1996-2013, Grupo Poços-Net - Todos os direitos reservados